Qual a diferença entre um nutricionista e um nutrólogo?

Muita gente não sabe ao certo qual a função de um nutrólogo, por isso acho conveniente explicar aqui um pouco sobre a minha área de atuação, uma especialidade médica que vem crescendo ano a ano. Cada vez mais pessoas, dos mais variados perfis e faixa etária, nos procuram para receber orientações relacionadas a obesidade, ganho de massa muscular, desempenho esportivo, alimentação saudável, entre outras.

Mas esse também não é o tipo de orientação que se tem de um nutricionista? Também, e por isso muitas pessoas se perguntam: qual a diferença entre um nutricionista e um nutrólogo? Bom, a primeira diferença está na graduação. O nutrólogo, antes de tudo, é médico, faz faculdade de medicina, pra depois fazer uma especialização em Nutrologia. Como esperado, entende a fundo o organismo humano. Já o nutricionista é graduado em nutrição e, portanto, entende a fundo o alimento e seus nutrientes.

As duas áreas estão ligadas à alimentação, mas com enfoques diferentes.
Nós nutrólogos somos capacitados para diagnosticar problemas de saúde que possam ser o motivo do ganho ou perda de peso de um paciente, que não a simples ingesta alimentar ou falta dela. O objetivo é identificar alterações metabólicas e ou hormonais que justifiquem o problema, bem como a dificuldade de anabolismo, analisar todas as causas e propor um tratamento adequado e especializado.

Entender de nutrição é apenas um dos conhecimentos que o nutrólogo precisa ter. Estamos aptos a diagnosticar e tratar dentro da medicina, qualquer tipo de doença relacionada à alimentação e aos hábitos de vida, como anemia, diabetes, câncer, obesidade, hipertensão, transtornos de conduta alimentar, tireopatias e outros transtornos hormonais e metabólicos relacionados. Outro diferencial é que apenas os nutrólogos têm condições de medicar o paciente, além de poder solicitar exames específicos, se for o caso.

Porém, ao meu ver, as duas áreas se complementam! O nutricionista tem um conhecimento muito mais específico sobre os alimentos, enquanto o nutrólogo tem um enfoque maior em identificar as deficiências e fazer um possível diagnóstico. Sendo assim, acabamos desenvolvendo um trabalho de comunhão e parceria, onde o nutrólogo poderá solicitar ao nutricionista uma dieta específica e adequada para as deficiências de um paciente com perda de peso, por exemplo. Resumindo: somos profissionais que atuamos na mesma área, com conhecimentos específicos que juntos conseguem otimizar ainda mais os resultados buscados pelos pacientes.

 

Fonte: www.ativo.com

Leave a reply